logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

Núcleo Administrativo da Arcon em Altamira vai beneficiar a região

21 de dezembro de 2017

O município de Altamira, no oeste do Pará, passou a contar com um núcleo administrativo da Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon). O novo espaço fica localizado na sede do Núcleo Regional da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos de Altamira (Sejudh), o que vai contemplar não apenas Altamira, como também outros municípios daquela região que antes só poderiam ter acesso aos serviços administrativos prestados pela agência em Belém.

No local, os operadores do transporte intermunicipal de passageiros e usuários vão encontrar, entre outros serviços, emissão de boletos referentes aos serviços da Arcon, vistoria anual de veículo, guias de fretes série A e C, serviços via E-Protocolo, recebimento de defesas e recursos, reimpressão da DRU e liberação de veículo apreendido em fiscalizações, sejam eles autorizados ou clandestinos.

A inauguração, realizada nesta semana, contou com a presença do diretor geral da agência, Bruno Guedes; do diretor de Normatização e Fiscalização, Karim Zaidan; da gerente de Transporte Terrestre da Arcon, Marta Sales, e de representantes dos operadores do transporte complementar do município e região.

Bruno Guedes disse que o novo núcleo vai contribuir ainda mais para a agilidade dos serviços e proporcionar maior comodidade para operadores e usuários. “O início das atividades no escritório de Altamira marca o alcance de uma meta estabelecida pela diretoria da agência, visando à descentralização dos serviços, como uma forma de encurtar as distâncias entre os operadores e usuários dessa região”.

Na região de Altamira existem cooperativas que realizam o transporte de passageiros e que estão implantadas desde a criação do órgão. Esse foi um dos motivos determinantes para que a Arcon ampliasse o número de escritórios regionais, que já estão funcionando também em Santarém e Marabá.

A Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) cedeu uma parte de seu prédio para que fosse possível a instalação do escritório da Arcon em Altamira. De agora em diante, a agência passa a contar com uma equipe de fiscalização fixa no município e uma equipe técnica realizando a parte administrativa. “Com isso, ganha o operador, ganha o usuário e ganha a agência, que consegue minimizar os custos e expandir os serviços”, completou Bruno Guedes.

Este é o quarto posto descentralizado da Arcon inaugurado no Pará em menos de dois anos. Para o diretor de Normatização e Fiscalização da Arcon, Karim Zaidan, a abertura do núcleo administrativo da agência em Altamira é mais uma meta cumprida visando à municipalização dos serviços do órgão. “Atende um anseio dos operadores de transporte da região e com certeza é uma conquista das cooperativas, empresas convencionais e, consequentemente, do usuário, que cada vez mais estará utilizando um transporte seguro e de qualidade”, afirmou.

Com o escritório em Altamira, a Arcon passa a atender mais diretamente os cerca de 40 operadores do transporte intermunicipal de passageiros, tanto do rodoviário quanto no hidroviário, naquela região.

Agencia Pará por Lourdes Cezar.