logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

“JUNHO VIOLETA” INICIA PROGRAMAÇÃO COM CAMINHADA

14 de junho de 2018

A Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), com o Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas), em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDPI) irá iniciar, nesta sexta-feira (15), a programação alusiva ao “Junho Violeta” com uma caminhada que contará com a participação dos idosos usuários dos oito Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Convivência do Idoso (CCI), Centro de Saúde do Idoso (CSI), Asilo São Vicente de Paulo, Pastoral do Idoso, além de instituições parceiras com a Ordem dos Advogados do Brasil Subseção Santarém (OAB) e Ministério Público Estadual (MPE).

O dia 15 de junho marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa. A data foi instituída em 2006, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa.

A Campanha Junho Violeta com o tema nacional “Violetas contra a Violência – Dignidade e Respeito para com a Pessoa Idosa” objetiva a conscientização e sensibilização da sociedade no sentido de respeitarem os idosos e lhes assegurarem um envelhecimento de forma saudável, tranquila e com dignidade, como preconiza o estatuto do idoso. A campanha inicia neste mês de junho e será permanente, se estendendo até a conferência municipal que deverá ser realizada em abril de 2019.

Segundo a Presidente do Conselho Municipal da Pessoa Idosa (CMDPI) Roseane Matos, a violência contra a pessoa idosa não está relacionada apenas a agressão física. “A negligência, por exemplo, é a principal forma de violência praticada contra os idosos e lidera o ranking de denúncias que chega no CMDPI. A violência contra a pessoa idosa é e deve ser entendida como uma grave violação aos Direitos Humanos e por isso teremos essa vasta programação para chamar a atenção quanto ao tema”.

O Congresso Nacional juntamente com o Conselho Nacional de Direitos do Idoso (CNDI) declararam no início do mês de abril, que 2018 é o Ano Nacional de Valorização e Promoção dos Direitos Humanos das Pessoas Idosas. A atitude ocorreu em celebração aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, aos 30 anos da Constituição Cidadã e 15 anos do Estatuto do Idoso.

Entre as ações está a Campanha de Divulgação dos Direitos da Pessoa Idosa que será lançada no dia 19 de junho em uma Sessão Especial na Câmara de Vereadores de Santarém. Durante o ano haverá círculos de palestras nos órgãos, nas escolas e faculdades.

Segundo dados estatísticos do Creas, no ano de 2017 foram registrados 58 casos de violência contra idosos. Em 2018, até então já foram contabilizados 37.

Tipos de violência
Violações:
Maus tratos- 7
Violência Física – 10
Violência Psicológica – 27
Negligência – 66

Denúncias:
Cras – 7
Demanda espontânea – 46
Propaz – 4
Ministério Público – 12
Mídia- 1
UPA – 4
Semtras – 2
Disque 100 – 16
Promotoria – 1
Polícia Civil – 1
Denúncia pelo telefone do Creas – 1
Conselho do idoso – 29
Centro POP – 3
Delegacia da mulher – 1

Os dados podem não conciliar com o numero de usuário, pois o mesmo caso veio encaminhado de mais de um órgão.

Confira a programação do mês de Junho:
 15.06 – Caminhada saída do Asilo São Vicente de Paulo seguindo até na Praça da Matriz, às 17h.
 19.06 – Sessão especial na Câmara de Vereadores de Santarém ás 15h.
 20.06/21.06 – Exposição “Marcas do Tempo” no Rio Tapajós Shopping das 14h ás 16h.