logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

GESTORES TÊM NOVO PRAZO PARA PREENCHIMENTO DO CENSO SUAS

17 de novembro de 2020

O preenchimento do Censo do Sistema Único de Assistência Social 2020 (Censo Suas) tem novo calendário. Os gestores e profissionais da área têm até 4 de dezembro para fazer o preenchimento dos questionários referentes aos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Convivência, Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), Centros Pop, Centro DIA e similares, Unidades de Acolhimento, Família Acolhedora, Posto de Cadastramento, além dos questionários vinculados a gestão, Conselhos e Fundos de Assistência.

As retificações do questionário podem ser feitas entre 7 e 11 de dezembro, quando todos os questionários estarão abertos para fazer as possíveis alterações. O levantamento deste é feito anualmente desde 2007 e permite traçar um retrato detalhado da assistência social no país.

A Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém Cuiabá e Região Oeste do Pará MUT) reforça que os gestores municipais devem estar atentos ao preenchimento do Censo Suas, que iniciou no dia 14 de setembro. O Censo Suas é instrumento de planejamento e monitoramento da Política de Assistência Social, que permite o acompanhamento das unidades gestoras e controle social do Suas, bem como dos equipamentos de atendimento à população. Com as informações os gestores podem para subsidiar as ações de planejamento, aprimoramento e qualificação a gestão do Suas e dos serviços prestados a população em todo o território nacional.

Como preencher o Censo

O Censo deve ser preenchido através de sistema eletrônico. Para o preenchimento do questionário eletrônico, os responsáveis devem utilizar o login e a senha do gov.br e perfil de acesso adequado junto ao Sistema de Autenticação e Autorização (SAA).

Caso o responsável pelo preenchimento tenha alguma dúvida ou necessite de algum apoio ou esclarecimento sobre o Censo Suas, pode entrar em contato com a respectiva secretaria estadual ou, se necessário, contatar por meio do e-mail vigilanciasocial@mds.gov.br. O contato pode ser feito ainda através de formulário eletrônico ou pelo chat.

Fonte: MDS