logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

ESTADO INICIA CONSTRUÇÃO E PAVIMENTAÇÃO DA RODOVIA TRANSURUARÁ, VIA DE INTEGRAÇÃO NA REGIÃO OESTE

22 de abril de 2021

Obra há muito esperada, a estrada pavimentada vai incrementar a economia e garantir segurança e mobilidade à população

Umas das obras mais esperadas no Oeste do Pará, a construção e pavimentação de 150 quilômetros da Rodovia PA-370, conhecida na região como Transuruará, foi iniciada nesta sexta-feira (16), quando o governador Helder Barbalho assinou a Ordem de Serviço (OS) para beneficiar mais dois trechos da rodovia. Nesta fase do projeto serão mais de 70 km construídos e pavimentados, que se somarão a outros 72 km, cujas obras foram autorizadas pelo governo no final do ano passado.

Para o primeiro trecho, a Secretaria de Estado de Transportes (Setran) já está na fase de licenciamento ambiental, de mobilização de equipamentos e instalação do canteiro de obras. O projeto total de construção e pavimentação da Transuruará compreende o trecho que vai do Entroncamento com a BR-230 (Transamazônica), no município de Uruará, até próximo à Usina Hidrelétrica de Curuá-Una, em Santarém, uma extensão de quase 150 quilômetros.

Ao 

Um dos trechos a entrar em obras é de 38 km, que vai da altura do Rio Tutuí até o entroncamento com a BR-230. Ao longo da rodovia serão construídas duas pontes: uma sobre o Rio Tutuí, com 50 metros de extensão, e outra sobre o Rio Curuá-Una, com 60 metros.

Vários benefícios – De acordo com o governador Helder Barbalho, “não é apenas a produção que chegará com maior segurança pela estrada asfaltada, mas também uma série de benefícios para todo o povo da região, que durante décadas ficou esquecido”.

Ela ressaltou que, com as obras de pavimentação, “pode ocorrer, inclusive, a verticalização da produção, agregando valor ao agronegócio local, fortalecendo a estrutura do porto de Santarém e sua importância para a região. Hoje estamos assinando os dois lotes restantes. Agora, não há mais desculpa de inverno. Começaremos o serviço e entregaremos a rodovia com asfalto pronto à população em 24 meses”.

São quase 150 quilômetros de rodovia, fundamentais para a integração da região Foto: Marco Santos / Ag. Pará

A PA-370 é chamada de Transuruará no trecho que dá acesso ao município de Uruará, ligando o centro urbano de Santarém à Usina Hidrelétrica de Curuá-Uma, que já está asfaltado. Com quase 220 km de extensão, a rodovia havia recebido a última camada de pavimento em 2008.

Segundo o secretário de Estado de Transportes, Adler Silveira, a construção e pavimentação da PA-370 é uma obra estruturante, que supre uma demanda histórica no Baixo Amazonas. “É uma obra que vai transformar a realidade das pessoas que vivem nessa região, pois estamos falando de uma rodovia que vai interligar a Transamazônica com Santarém, uma pavimentação de quase 150 km e um investimento total de R$ 193 milhões”, informou o secretário.

Economia e mobilidade – O asfaltamento da Transuruará terá reflexos diretos no incremento do setor produtivo regional, além de encurtar distâncias. Segundo o secretário Regional de Governo do Baixo Amazonas, Henderson Pinto, a obra, além da integração das regiões do Xingu, Baixo Amazonas e Tapajós, “deve reduzir em 160 km a distância de Santarém para a Região Metropolitana de Belém (RMB). É uma obra pela qual muito se esperou. Foi muito prometida, e só agora começa a ser executada pelo Governo Helder Barbalho”, destacou.

Moradores da área de influência da estrada aguardam a obra e seus benefícios 

Cerca de dez lideranças comunitárias do entorno da Transuruará participaram do ato de assinatura da Ordem de Serviço. Segundo Paulo de Souza, presidente da “Associação Cícero Mendes”, a chegada do asfalto à Rodovia PA-370 representa uma verdadeira mudança na realidade local. “Trará empregos e renda. Esse momento é histórico pra toda a população local”, afirmou Paulo de Souza, morador da região há 20 anos, onde produz mandioca e pimenta-do-reino, no sistema de agricultura familiar.

Segurança pública – Durante a agenda de trabalho no Oeste do Pará, o governador Helder Barbalho também assinou a Ordem de Serviço para construção do quartel do 13º Grupamento da Polícia Militar em Uruará. “Significa o incentivo do Governo do Estado, pois com o novo prédio o grupamento de Uruará terá mais condições de aquartelamento, e consequentemente garante maior qualidade ao serviço de policiamento naquela região”, destacou o coronel Dilson Júnior, comandante-geral da PM.

A Ordem de Serviço foi assinada e as máquinas já estão no local 

A nova sede do 13º Grupamento da corporação é resultado da parceria do Estado com a Prefeitura de Uruará, que cedeu o terreno onde será construída a unidade da PM.

Também estiveram presentes ao ato de assinatura o deputado federal José Priante; os deputados estaduais Eraldo Pimenta, Victor Dias e José Maria Tapajós; os prefeitos de Uruará, Gilson Brandão, e de Santarém, Nélio Aguiar, e vereadores e lideranças comunitárias do entorno da PA-370.

FONTE: SETRAN Por Kátia Aguiar e Foto: Marco Santos / Ag. Pará