logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

CADASTRO DE EVENTOS PARA 2020 JÁ ESTÁ ABERTO NO SITE DO MINISTÉRIO DO TURISMO

9 de janeiro de 2020

Municípios já podem inscrever suas festividades no site do Ministério do Turismo que, só em 2019, chegou a quase 90 mil acessos

Os turistas brasileiros e estrangeiros tiveram uma maior variedade de eventos para escolher em 2019. Isso porque, desde 2016, o número de festividades cadastradas no Calendário Nacional de Eventos cresceu 254%, saindo de 888, em 2016, e chegando a 3.151 eventos registrados em todo o país no último ano. Ao todo 85,4 mil usuários de 90 países, além do Brasil, acessaram o site da Pasta para programarem suas viagens pelo país. Vale lembrar que o Brasil ocupa a nona colocação entre 136 países no quesito atrativos culturais segundo o Fórum Econômico Mundial. A cultura foi a motivação de viagem para 9,5% dos estrangeiros que visitaram o país em 2018.

Cadastre aqui o seu evento gratuitamente. Em caso de dúvidas, verifique o Manual de Preenchimento.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, destaca a importância dos estados e municípios em cadastrarem e divulgarem esses eventos. “Este nosso calendário tem como principal objetivo divulgar alguns eventos turísticos brasileiros que não são tão conhecidos por boa parte da população, além de agregar valor à imagem dos destinos, fornecendo informações de qualidade sobre a oferta turística do Brasil que possam ser úteis ao turista que está indo para aquele lugar”, finalizou.

Qualquer estado ou município do país pode cadastrar o seu evento de forma colaborativa durante todo o ano, mas quem registra logo em janeiro tem a vantagem de entrar no radar dos viajantes que pretendem conhecer o Brasil em 2020. Todas as informações contidas no site são alimentadas pelas próprias secretarias estaduais ou municipais de turismo, além dos responsáveis pela realização dos eventos geradores de fluxo regional, nacional e até internacional de turistas.

Os turistas americanos, portugueses, argentinos, franceses e britânicos foram os que mais buscaram informações sobre os eventos realizados em 2019 no país. No Brasil, os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais lideraram as buscas. Dos que acessaram, mais da metade (51%) tinham idade entre 18 e 34 anos e eram do sexo masculino (54,5%). O mês de janeiro foi o período mais procurado.

Fonte: Ministério do Turismo

Edição: Lívia Nascimento