logo

Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará

AMUT PARTICIPA DA WEBCONFERÊNCIA ESTRATÉGIAS DE DIVULGAÇÃO PARA ASSEMBLEIAS GERAIS EXTRAORDINÁRIAS DA CNM

8 de julho de 2020

A AMUT, através do Secretário executivo Carlos Picanço, da Diretora administrativa Naira Mascarenhas e da assessora Dilcé Maria, participou da WEBCONFERÊNCIA CNM e Entidades Estaduais e Microrregionais, com o tema: Estratégias de Divulgação para Assembleias Gerais Extraordinárias – AGE’s, a ser realizada de 6 a 11 de julho de 2020.

O Presidente da CNM, Glademir Aroldi, convocou a todos os secretários executivos das entidades estaduais para a videoconferência, onde explicou: “Sempre temos uma assembleia geral durante a Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, onde colocamos todos os temas estabelecidos pelo nosso estatuto à apreciação dos nossos associados representados pelos prefeitos e prefeitas de todo o Brasil. Em virtude da pandemia, tivemos que suspender a Marcha e por isso, teremos que, através do meio eletrônico, realizar a nossa Assembleia Geral Extraordinária”.

A sistemática foi apresentada pelo presidente durante o bate-papo, onde explicou que a participação na Assembleia será feita através de um portal criado exclusivamente para esta finalidade. Os votantes receberam por e-mail e SMS uma senha secreta, exclusiva e sigilosa. Durante seis dias, representantes dos Municípios associados à CNM poderão participar das quatro assembleias promovidas pela entidade.

O Presidente Glademir Aroldi agradeceu a participação de todos e ressaltou a importância das Microrregionais e do trabalho dos gestores em prol de seus associados, que é onde nasce o problema e que sendo levado para as Estaduais, através dos gestores das mesmas chega até a CNM.

ASSEMBLEIAS

A partir de segunda-feira, 6 de julho, até o próximo sábado, dia 11 de julho, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) promove pela primeira vez sua Assembleia Geral de maneira virtual. Serão quatro assembleias simultâneas, quando serão abordados temas importantes que precisam ser avaliados, discutidos e votados pelos Municípios associados. Os participantes votantes terão acessos a quatro assembleias, com quatro editais diferentes.

O primeiro edital traz a apreciação das contas do ano de 2019. O segundo, traz um importante projeto batizado de Municípios Prato Cheio para o Desenvolvimento. Este encabeçado pela CNM, conta com a participação de importantes parceiros, como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp) e Associação dos Membros dos Tribunais de Conta do Brasil (Atricon).

“O projeto visa distribuir um Kit alimentação nos Municípios com população abaixo de 50 mil habitantes e com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) baixo e muito baixo. Queremos atender Municípios que estão com mais dificuldades neste momento. Por isso, estamos buscando autorização para que possamos participar com o valor de R$ 5 a R$ 8 milhões, para que possamos colocar este recurso para este projeto importante para este momento que estamos vivendo”, complementou o presidente da CNM.

O líder municipalista reforçou que o orçamento com as despesas da entidade para este ano não sofrerão mudanças, caso o projeto seja aprovado, já que vários eventos que aconteceriam não vão acontecer por conta da pandemia. “Estaremos usando estes recursos para fazer esta ação solidária e amenizar um pouco a vida de muitas famílias brasileiras que estão necessitando neste momento, especialmente, de colocar o alimento na mesa das suas famílias”, reforçou Aroldi.

Para tanto, é necessária a participação de 25% dos Municípios associados à entidade municipalista nacional. “Por isso, pedimos a vocês que nos assistem que mobilizem os seus prefeitos e os das regiões próximas a vocês, seja através de grupo de whatsapp ou qualquer outra forma, para que possamos ter o maior número de participação possível”, ressaltou.

O edital número 3, disponível também para votação, trata de uma ação judicial, quando os Municípios vão autorizar a CNM a, em nome dos Municípios filiados, ingressar com ação judicial para que haja de uma vez por todas o encontro de contas com a previdência nacional. “Para isso, precisamos que todos os Municípios associados participem e votem. Caso contrário, os que não participarem e não exercerem o voto, a CNM não poderá incluí-los nesta ação. Temos ai no mínimo quatro mil Municípios que possuem créditos junto à previdência”, lembrou Aroldi.

Outro edital que também necessita de especial atenção dos votantes é o Edital 4. Neste, os Municípios dão autorização para que a CNM ingresse com ação judicial que trata do programa Estratégia Saúde da Família (ESF). Para tanto, também é importante a participação massiva de todos.

Dúvidas
Em caso de dúvidas, sobre o registro, solicitações de esclarecimentos e informações referentes à Ordem do Dia deverão ser encaminhados especificamente para o E-mail: assembleias@cnm.org.br.

Em caso de perda do login e/ou senha, contate com a equipe de atendimento da CNM (de segunda-feira a sábado, das 8 às 12h e das 13h15 às 18 horas):

(61) 2101.6026 – Antônio Medeiros

(61) 2101.6059 – Iully Souza

(61) 2101.6060 – Thiago Carvalho

(61) 2101.6071 – Rosilene Brito

(61) 2101.6081 – Carlos Schein (Xis)

(61) 2101.6635 – Roberto Meneghini

(61) 2101.6640 – Marciley Coelho

(61) 2101.6642 – Elias Zinczuk